10 junho 2021

Placar no STF está em 3x0 para os aposentados

Ministros do Supremo seguirão decidindo sobre a Revisão da Vida Toda até a próxima sexta (11/06).

Com o voto da ministra Carmen Lúcia neste domingo (06/06), o placar no plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) no julgamento da tese da Revisão da Vida Toda está em 3x0 a favor dos aposentados e pensionistas. Além de Carmen Lúcia, já votaram os ministros Marco Aurélio Mello, relator no processo, e Edson Facchin.

O STF está julgando a tese da Revisão da Vida Toda desde o dia 04/06 e seguirá até a próxima sexta-feira, dia 11, quando todos os ministros deverão ter manifestado seu voto no plenário virtual. Os três membros da Corte que já votaram até o momento entenderam que deve ser aplicada a norma mais favorável aos beneficiários para o cálculo da aposentadoria.

A tese da Revisão da Vida Toda beneficia aqueles aposentados que realizaram contribuições próximas ao teto do INSS antes de julho de 1994 – as quais não foram incluídas no cálculo de aposentadoria pela norma de transição. A tese pede justamente a inclusão destas contribuições nos cálculos, o que pode resultar em aumento no valor da aposentadoria.

A ANABB está realizando os cálculos para seus associados, e também para os familiares, a fim de verificar qual é a situação mais vantajosa em cada caso: permanecer na regra de transição implementada em 1999 ou pedir a concessão do benefício com base em todos os salários de contribuição, inclusive os anteriores a julho de 1994.

Com base nos cálculos em andamento, será possível determinar para quais associados será vantajoso o ingresso da ação individual Revisão da Vida Toda, de modo a obter um valor mais justo de aposentadoria. O julgamento em curso no STF servirá de parâmetro para as decisões a serem tomadas sobre o tema em todos os tribunais do país.

Podem participar da ação da ANABB os aposentados e pensionistas que receberam o primeiro benefício do INSS nos últimos 10 anos – além, claro, de terem iniciado as contribuições à previdência oficial antes de julho de 1994.

Saiba mais sobre o assunto e veja como fazer a revisão de seus cálculos de aposentadoria com a ANABB.




Fonte Agencia ANABB

17 comentários:

Anônimo disse...

Que pena! Em Janeiro completei 10 anos de aposentado.

Anônimo disse...

infelizmente o jogo já virou. 4x3............Isso é braziuuuuuu

Rosalina de Souza disse...


Daniel Stieler é indicado como novo presidente da Previ



O Conselho Deliberativo da Previ aprovou no dia 9/6 a indicação de Daniel André Stieler como novo presidente da Entidade.

Daniel é graduado em Ciências Contábeis, pela Universidade Federal de Santa Maria (RS) e possui pós-graduações em Administração Financeira e Auditoria, ambas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), e MBA em Contabilidade, pela Universidade de São Paulo (USP). Participou de diversos cursos de Governança no Brasil e no exterior e possui certificações no ICSS, com ênfase em Administração, e no IBGC, para conselheiro fiscal.

O novo presidente ingressou no Banco do Brasil na década de 1980, como menor aprendiz. Foi assessor, gerente de núcleo e gerente de divisão na Diretoria de Contabilidade. Também foi gerente executivo na Diretoria de Contadoria e diretor de Controladoria do BB.

Desde janeiro deste ano, Daniel atua como diretor-superintendente do Economus, instituto de seguridade social da Nossa Caixa (banco adquirido pelo BB em 2009). No instituto, Daniel também foi conselheiro fiscal e presidente do Conselho Deliberativo, ou seja, passou por todas as instâncias de governança do Economus.

Daniel ainda atua como conselheiro de administração nas empresas Livelo e Alelo. Foi conselheiro fiscal na Previ, entre 2012 e 2016, e na BBTS. No Banco Votorantim, além de conselheiro fiscal, foi membro do Conselho Consultivo. Também foi membro da Comissão de Assuntos Contábeis de Instituições Financeiras da Febraban durante 10 anos.

Habilitação
Conforme determinam os normativos vigentes, agora aguarda-se o atestado de habilitação de dirigente da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) para que seja efetivada a posse. Desde 2017, o exercício de cargos na Diretoria Executiva e nos Conselhos Deliberativo e Fiscal da Previ está condicionado ao prévio envio de documentação comprobatória e à emissão do atestado de habilitação.

O novo presidente irá substituir José Maurício Pereira Coelho, que deixa a Previ na próxima sexta-feira, 11/6.

FONTE:https://www.previ.com.br/portal-previ/fique-por-dentro/noticias/daniel-stieler-e-indicado-como-novo-presidente-da-previ.htm

Trader anônimo disse...

Texto C.1

Blogger Miro disse...

Nosso futuro outrora prometido com uma velhice segura e amparada. Eis o plano maquiavélico:

https://www.redebrasilatual.com. br/blogs/blog-na- rede/2021/06/governo-quer-tirar- trabalhadores-dos-fundos-de- pensao-e-transferir-patrimonio- aos-bancos/

junho 07, 2021 4:15 PM

- Miro, colegas de blog,

Sobre a notícia em comento pedimos vênia para discordar da opinião do distinto colega. Diferentemente, da opinião do colega acreditamos que a notícia em comento é um avanço, embora pequeno. Neste sentido, o título da notícia, “transferência do patrimônio aos bancos”, caso venha a ser implementado, vai trazer consigo concorrência, o que inequivocamente é benéfico para os associados de um fundo de pensão.

Por outro lado, a hipótese de que o “hodierno capitalismo bursátil” seja um simples meio de transferência de riquezas que são materializadas por meio de um misto dos fenômenos de concentração financeira e centralização financeira, conforme iremos doravante demonstrar. Neste sentido, inicialmente nos permitem compreender tal sustentação os seguintes fragmentos de texto encontrados na literatura técnica:

[...] Na história do capital, a expropriação dos meios de produção permitiu que se desse curso ao processo de subsunção real do trabalho, isto é, a subordinação do processo de trabalho ao capital, permitindo a criação de valor por intermédio da exploração da força de trabalho. À medida que o capitalismo avançou, o movimento da concorrência intercapitalista operou um processo de concentração e centralização* do capital que, conjuntamente a outras mudanças de natureza sociopolítica, deu surgimento à indústria moderna (PAULO NETTO; BRAZ, 2006). (9)

* Pinto (1997) assevera que há na doutrina uma grande confusão entre esses dois termos que devem ser entendidos como movimentos separados. Apresenta a concentração de capitais como um aumento da composição orgânica do capital e a centralização como uma expropriação dos capitais individuais por outros capitalistas, de modo que poderia haver a ocorrência desse processo sem aquele, em
que pese ao fato de não ser uma prática comum. (9)

Neste sentido, iremos sustentar doravante que as instituições sociais conhecidas como “hodierno capitalismo bursátil” e fundo de pensão possuem 4 (quatro) características em comum: “conspiração”, “pirâmide financeira”, “manipulação” e “oligopólio” (instituições sociais altamente hierarquizadas).

Adicionalmente, gostaríamos aqui de observar que as primeiras duas características em comum de tais instituições sociais, quais sejam, da “conspiração” e “da pirâmide financeira”, nitidamente estão ligadas ao tempo. Em outros termos são instituições sociais que tem um tempo de vida limitado, como adiante veremos. Consequentemente, tais instituições tendem a deixar de existir.

Em primeiro lugar, por meio da leitura e interpretação dos seguintes fragmentos de texto encontrados na literatura técnica iremos demonstrar a existência tanto no “hodierno capitalismo bursátil” quanto no “fundo de pensão”, respectivamente, as características em comum de “conspiração” e “pirâmide financeira”:

[...] The market, considered as a whole, cannot dispose of a security. [...] This is what I have called “the liquidity paradox”, namely, that the individual liberty to sell a security whenever one pleases exists only by virtue of an implicit commitment on the part of the financial community as a whole to hold on to the totality of securities over the long term. Yet this mutual dependence, which clearly sets financial markets apart from ordinary markets, is concealed from view by the effects of competition. (18)

- Pensionista Rosalina, colegas de blog,

Continuando o tema acima colamos em nosso blog "bolsafurada.blogspot.com" em 11/06/2021 os seguintes textos:

C.2, C.3, C.4, C.5, C.6, C.7, C.8, C.9.


Como visualizar tais textos?

Entre no endereço "bolsafurada.blogspot.com". Em seguida, clique em "Comentários". Finalmente, ache os textos por meio da barra de rolagem.

Trader anônimo disse...

Texto C.2 (continuação do Texto C.1)

Traduzindo:

[...] O mercado, considerado como um todo, não pode dispor de um valor mobiliário. [...] Isso é o que chamei de “paradoxo da liquidez”, ou seja, o fato de um indivíduo ter a liberdade para vender um título sempre que desejar existe apenas em virtude de um compromisso implícito por parte da comunidade financeira como um todo de manter a totalidade dos títulos no longo prazo. No entanto, esta dependência mútua, que claramente diferencia os mercados financeiros dos mercados comuns, é ocultada de vista pelos efeitos da concorrência. (18)

 “[...] Há aqui um equívoco conceitual entre propriedade formal e real, pois não é denominação jurídica da titularidade que efetivamente evidencia o conteúdo da propriedade. Independente da mesma, o que define a propriedade é o PODER DE ALOCAÇÃO e, principalmente, O DESTINO DAS RIQUEZAS PRODUZIDAS QUE, CADA VEZ MAIS, SE CONCENTRAM EM POUCAS MÃOS. [...]” (9) (maiúsculo nosso)

Parece-nos aqui oportuno enfatizar algo mencionado no primeiro fragmento de texto acima, vale dizer: “[...] esta dependência mútua [...] é ocultada de vista pelos efeitos da concorrência.”

Assim, são apenas “efeitos da concorrência”, os termos encontrados no fragmento de texto acima. Neste sentido, importante literatura técnica sustenta que os mercados bursateis seguem uma oferta “não-concorrencial”, igualmente conhecida por “retroações positivas”. Permite-nos ilustrar o que são “retroações positivas” o seguinte fragmento de texto encontrado na literatura técnica:

[...] Taking speculative strategies into account dramatically reduces the optimism that neoclassical theorists are justified in entertaining with regard to either the stability or the efficiency of financial markets, for it requires that the familiar negative- feedback model be abandoned and a positive feedback model substituted in its place. Because the speculator takes the price of a share as his point of reference, rather than its fundamental value, everything that has been confidently asserted about the countervailing forces exerted by competition on swings in price ceases to hold. (18)

Traduzindo:

[...] Ao levarmos em consideração as estratégias especulativas reduzimos drasticamente o otimismo que os teóricos neoclássicos têm ao justificar aquilo que diz respeito à estabilidade ou à eficiência dos mercados financeiros, pois exige que o modelo conhecido por feedback negativo seja abandonado e substituído por um modelo de feedback positivo. Porque o especulador toma o preço de uma ação como seu ponto de referência, em vez de seu valor fundamental, tudo o que foi confiantemente afirmado sobre as forças compensatórias exercidas pela concorrência nas oscilações de preço deixa de existir. (18)

Em síntese, doravante iremos sustentar que a “dependência mútua, ocultada de vista pelos efeitos da concorrência” é o principal indício de que o “hodierno capitalismo bursátil” se equipara tanto a uma “conspiração”, quanto a uma “pirâmide financeira”.

Ademais, ao equiparamos o “hodierno capitalismo bursátil” a uma “pirâmide financeira” igualmente estamos sustentando que este tem um tempo de vida limitado. Igualmente, a “conspiração” é ligada ao tempo. Neste sentido, é do “conhecimento comum” que toda “conspiração” depois de revelada tende a deixar de existir.

Em segundo lugar, cabe-nos aqui observar que se não houvesse a “dependência mútua”, mencionada no primeiro fragmento de texto, a evolução dos preços no “hodierno capitalismo bursátil” seria bastante diferente daquele encontrado na realidade.


Parece-nos oportuno relembrarmos aqui algo que sustentamos em recente trabalho de nossa autoria: o “hodierno capitalismo bursátil” se equipara a uma “conspiração”:

“[...] a liquidez financeira deve ser interpretada [...] como [...] uma transgressão concebida no interesse dos detentores dos títulos.” (18

WILSON LUIZ disse...


VACINAÇÃO TABAJARA À BRASILEIRA

O ministério da saúde conseguiu destruir nosso sistema nacional de vacinação, que era referência mundial.

A atual campanha, contra a covid-19, parece o samba do crioulo doido. Aqui, começa hoje a vacinação do grupo 59/55 anos, já em uma cidade vizinha, já foram vacinados quem tem 40 anos, e em São Luís, no Maranhão, hoje começa a imunização de garotões e gatinhas com 29 anos.

Em mais uma pajelança, compraram 3 milhões de doses da Janssen, aquela que é necessária apenas uma dose. Um pequeno detalhe é que, na canetada, a FDA, a Anvisa dos Estados Unidos, prorrogou a validade desta carga em mais 6 semanas, o lote que receberemos venceria no próximo dia 27. É fim de feira, parece que conseguiram um desconto de 25%.


NÃO TENHAMOS ILUSÃO

Leio, nos blogs, que vários colegas estão esperançosos de receber algum benefício, em virtude do superávit de mais de 21 bilhões. Infelizmente, mesmo para o pagamento de 1 real para os beneficiários da Previ, seria necessário cumprir toda a via-crucis burocrática da Lei Complementar 109.

Não vamos esperar nada, um ex-presidente da Previ, não lembro o nome da vaquinha de presépio, decretou ‘o ciclo de distribuição de superávits acabou’.

A oportunidade de melhorias foi desperdiçada no mandato de 8 anos de Sérgio Rosa, no governo Lula. Foi o único presidente da Previ que teve autonomia de decisão, ele era do círculo íntimo do presidente da república, e era tão poderoso que confrontava até o ministro da fazenda.

Pelas suas mãos passaram superávits de uns 50 bilhões(em dinheiro de hoje, cerca de 100 bilhões), poderia nos ter concedido um reajuste permanente de 20%, já que, naquela época, não havia a obrigatoriedade da concessão de benefícios apenas temporários.

Em vez de entrar para a história como o melhor presidente que a Previ já teve, preferiu entrar na cova rasa onde repousam os outros medíocres que dirigiram nosso fundo, enveredando
pela concessão de benesses que beneficiaram os que mais recebem, como o renda certa, o aumento do teto do benefício de 75 para 90 %, e outras das quais não tenho mais lembrança.

Anônimo disse...

Colega Wilson, já posso me vacinar no próximo sábado, mas com a chinesa coronavac. Amigos me falaram que ela tem uma eficácia de apenas 50.38%, enquanto outras tem 70, 80 e até mais de 90%. Tô no mato sem cachorro, não sei o que fazer, se pego esta ou aguardo outra melhor.

Anônimo disse...

A Previ não ia divulgar os beneficiados pela famigerada renda certa?

MAUS disse...

ARISTOPHANES DISSE HÁ 2 DIAS...

"Coisa que se tornou evidente, com a adoção do limite de 200.000. Deu com uma mão, e tirou com a outra.
O que mais decepciona, entretanto, é a alegação, nem sempre explicitada, de que o ônus
de um longo ´prazo é maior, mesmo quando exercitado o oneroso FQM."

Alerto que minha exposição será resumida e também áspera.
Afinal, os vigias do CD decidem se levam o comentário à Diretoria.

HÁ MUITO FINDOU O TEMPO EM QUE A PALAVRA OU O FIO DE BIGODE ERAM HONRADOS.

Honra e honestidade eram as premissas para QUALQUER CIDADÃO INGRESSAR em CARGOS PÚBLICOS, por Concurso Público, inclusive o BB.

Muito longe disso estão os Congressistas(Apimentados), funcionários da Secretaria de Previdência Complementar,. funcionários do BB, PREVI, PREVIC que legislaram em CAUSA PRÓPRIA, legitimando BET BB 7,5 bi, Benefícios SEM TETO, etc.

E a farra continua... sai Diretor(entra outro felizardo) do BB, CASSI, PREVI, com bônus de 500k ao ano, BD Previ 60k, etc.

HÁ MUITO PERDEU-SE também o conceito de BOA-FÉ, especialmente no tratamento do DB-PB1 em relação à transparência efetiva sobre Superavit, ES, etc., ESPECIALMENTE PELO NÃO CUMPRIMENTO DA TAC-PREVIC, até hoje sem explicação (BD SEM TETO GERA DÍZIMO A ALGUÉM?)

As recentes medidas de SUSPENSÃO DE PARCELAS e elevação do TETO 200K, deixou dúvidas sobre a boa-fé do CD e Diretor de Seguridade.

É notória a intenção obscura da SUSPENSÃO DE PARCELAS e posterior elevação do TETO para 200k em menos de 1 mês.

AGORA ENTRA QUESTIONAMENTO DA BOA-FÉ, que você leitor ou Diretor, vai decidir e aplicar ao fato:

1 - BOA-FÉ
2 - MÁ-FÉ
...
3 - MÁ-FÉ OBJETIVA
4 - BOA-FÉ OBJETIVA

Tratando-se de CARGO PÚBLICO ou EQUIPARADO, espera-se sempre a ÚLTIMA HIPÓTESE.

Você decide qual hipótese cabe ao fato da SUSPENSÃO DE PARCELAS DO ES 1 mês antes da elevação do TETO, suspensão essa que inviabilizou renovações por TER CONSUMIDO A MARGEM antes disponível da MC-30%

Senhores do CD, apenas com informação detalhada do cálculo da MC30% e discriminação de cada verba e percentuais utilizados será possível desconstruir minhas considerações.

Aguardo e sugiro que os experts Gohst e Trader se aventurem no tema.

ABRAÇO
Tomem Vacina Pfizer, Jansen, as Americanas
- porque a Oxford levou um colega nosso, vizinho de portão.
- Coronavac 45%, Oxford 75% e derruba muitos.
- que o diga a filha da Fernanda M.


Ass.

MAUS

Unknown disse...

Sabe quem fala mal do Bolsonaro?

Parentes de funcionários públicos que perderam as Mordomias distribuídas pelo PT Psol PccSdb.

Unknown disse...

A ELITE GLOBAL NÃO QUER

QUALQUER VACINA...

Eu também recusei...

https://www.youtube.com/watch?v=jWWwpU8TonA

WILSON LUIZ disse...


FATOS E MITOS SOBRE VACINAS E RENDA CERTA

Caro anônimo 15.06, 12:13 hs., a vacina Coronavac possui uma eficácia de 50.38%, e a queridinha do momento, a da Pfizer, tem o índice de 97.5 %. O que isto significa? Que 97% dos vacinados com a Pfizer não serão infectados, já os que tomaram a Coronavac, apenas 50% estarão totalmente protegidos. Se você continuar tomando os cuidados básicos(máscara pff2, álcool gel e distanciamento), e ficar longe de festas clandestinas e de motociatas aglomerativas sem máscara que nosso Napoleão anda promovendo(como fanático ex-motoqueiro, abomino tais atos da maior autoridade do país). Com isto, acredito que o nível de proteção total poderá se elevar para algo entre 70 e 80%.

Agora, vamos ao que realmente interessa. A proteção de AMBAS as vacinas está entre 95 e 100% para casos graves, que exigem hospitalização, UTI e, eventualmente, a ocorrência de mortes.

Se conselho fosse bom, a gente não dava, vendia. Estivesse eu em sua situação, no sábado, madrugaria para ser o primeirão da fila para tomar a Coronavac, e voltaria para casa comemorando.

ÓTIMOS FUNCIONÁRIOS DA ‘VELHA GUARDA’

Caro anônimo 15.06, 11:19 hs., confesso que sou contra a divulgação dos nomes dos beneficiários do renda certa. Primeiro, seria inviável, pelo que me lembro foram mais de 40.000, a maioria recebendo valores irrisórios; além do mais, exporia à execração dos participantes da Previ colegas que foram excelentes funcionários.

De fato, alguns receberam valores expressivos, até 1 milhão de reais(em valores de hoje, aproximadamente 2 milhões). Tenho amigo que recebeu, na ocasião, 310 mil reais, e ele disse-me que foi uma surpresa total, ninguém esperava aquilo. Muito mais injusto é alguns ‘amigos do rei’ receberem benefícios ‘sem teto’, para os quais não contribuíram; o amigo a que me referi se aposentou com 40 anos de serviço, e sua aposentadoria é de 38 mil reais.

Os que receberam as maiores parcelas, por incrível que pareça, proporcionaram grande ganho para a Previ. Tomemos o caso que teria recebido 2 milhões de reais. Ele deve estar entre alguns ‘malucos beleza’ que trabalharam 50 anos, dos quais 18 foram totalmente DE GRAÇA, já que aos 32 anos poderia se aposentar com vencimentos integrais. Fazendo uma ‘conta de padeiro’, os 18 anos trabalhados de graça e que ele deve ter se aposentado com benefício de 38 mil reais, no mínimo, a Previ deixou de lhe pagar, neste período, aproximadamente, 8.8 milhões de reais, em valores atualizados.

ATENÇÃO!!

Os que tiveram celular roubado, especialmente aqueles que utilizam aplicativos de bancos e PIX, devem ter cuidado redobrado com movimentações financeiras em suas contas e cartões de crédito.

Investigações indicam que quadrilhas especializadas conseguem, fazendo um ‘pente fino’ no aparelho, ter acesso às contas e senhas. Parente meu teve saque de 5 mil reais em sua conta, 40 minutos após seu celular ter sido roubado.

WILSON LUIZ disse...


PANDEMÔNIO NO HOSPÍCIO BRASIL

O número de mortes por covid está novamente em alta, e temos mais de 34 milhões de imunizados que ainda não tomaram a segunda dose.

Em uma situação tão crítica, a administração do hospício deveria agir com muito cuidado e cortesia em relação aos países que nos fornecem vacinas e insumos, assim como quem caminha pisando em ovos no escuro em um campo minado.

Mas, pedir racionalidade em um hospício é como esperar que a Previ nos proporcione algum alívio em nosso apertado orçamento. Ontem, Napoleão, como um elefante em loja de cristais, contestou a eficácia da Coronavac e disse, sem qualquer prova, como sempre, que sua validade é de apenas 6 meses.

Parem o mundo que eu quero descer.


PRIMEIRO INSULTA, DEPOIS VAI PEDIR PENICO

Desde agosto do ano passado, a Pfizer vinha ofertando ao hospício a venda de vacinas, foram dezenas de e-mails, a grande maioria, inclusive alguns do presidente mundial da farmacêutica, sequer foram respondidos; no meu conceito de ética, isto é insulto.

Surpreendentemente de surpresa, dias atrás Napoleão pediu uma reunião, com sua presença, com os diretores da Pfizer. Ele pediu que fosse antecipada a entrega da maior quantidade de doses que fosse possível.

Estaria ele, finalmente, pensando na saúde de seus súditos? Nããããão, sua única preocupação é com a eleição de 2022, porque um de seus adversários, o governador de São Paulo, quer vacinar toda a população do estado até setembro, e ele não quer perder mais uma, se o resto do país ficar muito atrasado.

INSS REVISÃO DA VIDA TODA

Cara Rosalina,hoje o STF decide o resultado desta ação, que estava parada por pedido de vistas do ministro Alexandre de Moraes, quando o placar estava 5 x 5.

Será que seria vantagem, caso os aposentados percam o processo, entrarmos com a ação da ANABB reinvindicando este direito? Na verdade, a Previ já nos pagou estas parcelas, pois quando a parcela INSS aumenta, diminui no mesmo valor o complemento do fundo.

Anos atrás, colega meu ganhou uma destas inúmeras ações que o INSS perdeu; ‘ganhou’ é força de expressão, seu benefício mensal ficou no mesmo e, pior ainda, a Previ ‘passou a mão’ na bolada de atrasados que ele ‘recebeu’(umas 3 vezes seu benefício mensal). Como desgraça pouca é bobagem, sobrou para ele pagar os 20% do advogado que conduziu a causa.

Anônimo disse...

O colega Wilson (17.junho 8.33) descreveu exatamente a tal ação/INSS. A Previ não pode entrar com essa ação pois só o aposentado pode entrar mas é ela quem fica com a vantagem.O aposentado continua com o mesmo valor do benefício (Previ + INSS) e ainda paga o advogado. As associações iludem os aposentados com essa ação pois eles não ganham nada com ela.

MAUS disse...

SOBRE BOATOS...

"Países da Europa concordam em receber turistas totalmente vacinados; veja quais imunizantes serão aceitos"

"O consenso, de 27 embaixadores dos países membros da UE, chegou pouco antes da temporada de verão na Europa, período considerado turístico na região. As vacinas aceitas nos controles de entrada devem ser as Pfizer/BioNTech, Moderna, Janssen (da Johnson & Johnson), Oxford/AstraZeneca e Sinopharm. Com isso, brasileiros que tenham tomado as duas doses da Pfizer ou da AstraZeneca podem ter entrada liberada nos países da UE. No entanto, ficam de fora aqueles que se imunizaram com CoronaVac."

Por que os Negacionistas do Tratamento Precoce, ministrado em todo mundo, e que salvou UIP, tiveram pressa de aplicar a CORONAVAC/

Continua morrendo 2.000 por dia...
- xarope com 45% não é eficaz?

https://gauchazh.clicrbs.com.br/comportamento/viagem/noticia/2021/05/paises-da-europa-concordam-em-receber-turistas-totalmente-vacinados-veja-quais-imunizantes-serao-aceitos-ckovg9clf001p018mp10qdb4t.html

HÁ 30 ANOS A ESQUERDA SE NUTRE DA MERCHANDISE DA MORTE, TAL QUAL OMS, CFM...

https://spbancarios.com.br/03/2017/butantan-queima-verba-com-salario-duplo-e-bolsa-irregular

COMUNISTAS NÃO COMUNGAM RIQUEZAS COM SEUS VASSALOS.

NUNCA PROVARÃO O QUANTO AS VACINAS SALVAM...
- APENAS MINIMIZAM SEQUELAS.

DENTRE OS VACINADOS A DIFERENÇA ENTRE A VIDA E A MORTE SÃO OS ASSINTOMÁTICOS ou NÃO.
- NOVAS CEPAS JÁ DEIXARAM A VachinaVAC no chinelo.
- mas tudo faz parte do plano do dragão.


Unknown disse...

É ISSO!
TEM MUITAS PROSTITUTAS SE VENDENDO PARA OS COMUNISTAS:
THEDROS, MACRON, BIDEN, KAMELA, GLOBOLIXO, BAND, STF, PTsol PdTpros, PccSDB...

Os 7 Senadores corruptos da CPI-FAKE estão recebendo quanto do XILING LING?

500.000 mortos?
ESSE É O PLANO DO PCC CHINÊS ou é fruto dos 18.000,00 que HOSPITAIS recebem por MORTE COVID...

https://www.youtube.com/watch?v=XLQiZzI3lYs

MIRO disse...

Jabutis prestigiando concessionárias parasitas e outros chupins, Emendas, loteamento de Cargos e outras enxertias, eis os expedientes dos vendilhões para viabilizar a privatização da ELETROBRAS. Para nós: bandeira vermelha, aumentos das tarifas, socialização dos eventuais prejuízos, enfim, lucro garantido para os compradores, principalmente o estrangeiros. Tudo como Dantes na Terra de Abrantes, digo, dos Tupiniquins. BB, CEF, PETROBRAS e outras estatais seguem na mesma bitola. Estou comovido com o espírito humanitários dos neoliberais que, depois das xepas dos restaurantes, vieram com uma verdadeira pérola que, obviamente, não é retórica para viabilizar as privatizações: direcionar aos pobres o produto da venda das estatais. Por que não um Salário Mínimo digno, correção da tabela de IR, empregos, saúde, educação, dignidade e independência dos cabrestos assistencialistas.